Eu preciso de um pouco de ajuda!?



  • Tenho recomendado tomar ciprofloaxino ou ciprofloxacina ... mas para evitar dúvidas e possíveis contra-indicações para auto-medicar ..... Eu me pergunto o que faz eo que seus riscos .... Muito obrigado! =)
  • Olá!

    É um antibiótico, é atacar infecções!
  • é um antibiótico
    Infecções ginecológicas, respiratórias, do ouvido médio, sinusite, tecidos moles, do trato urinário, genitais, febre tifóide, shigelose e qualquer processo bacteriana infecciosa causada por organismos susceptíveis.

    Hipersensibilidade a ciprofloxacina ou a outras quinolonas. Menores de 18 anos, gravidez e aleitamento.

    CUIDADOS: dose de ciprofloxacina deve ser individualizada de acordo com a natureza e gravidade do estado de infecção do paciente. Pacientes com insuficiência renal que requer redução da dose com base na depuração da creatinina.

    A ciprofloxacina deve ser usado com extrema precaução em doentes com uma história de epilepsia, em pacientes com função hepática deficiente, com uma deficiência de a desidrogenase de glicose-6-fosfato de enzimas e miastenia gravis. Porque cirpofloxacino tem mostrado potencial para causar artropatia degenerativa e alterações na placa de crescimento, não é recomendado para mulheres grávidas, lactantes ou em crianças e adolescentes.

    Para evitar o risco de cristalúria, manter uma boa hidratação e evitar que a urina alcalinice excessiva.

    reacções secundárias
    Reações gastrointestinais (náuseas, anorexia, flatulência, dor abdominal, dispepsia, vómitos, diarreia), CNS
    (Dor de cabeça, fadiga, insônia, irritabilidade, zumbido), hipersensibilidade (erupção tipo, coceira, febre), músculo esquelético, cardiovascular (taquicardia).

    A administração parenteral pode resultar em taquicardia flebite, e raramente rubor, enxaqueca, fraqueza, artralgia, mialgia, discrasias sanguíneas.

    Eu não recomendo auto medicar.

    Saudações!
  • Pegaso, Olá, meu nome é Marcela, e eu sou uma enfermeira. Como qualquer antibiótico deve ser prescrito e acompanhado por um profissional de saúde, a dose, freqüência de administração e sintomas adversos que podem se manifestar a partir inútil ter um monte de informações, se você tem certeza de que você tem, e que merece uma consulta em breve com médico, e ele vai lhe dizer o que é melhor para cada situação. Saúde é tratada bem, com respeito e responsabilidade. A querida